Passar para o Conteúdo Principal
siga-nos

Miranda do Douro estreia-se num circuito pedestre europeu de montanha

20 Janeiro 2015

20-01-2015| PORTO CANAL

Miranda do Douro, no distrito de Bragança, vai fazer parte pela primeira vez do “European Moutain Marathon”, destinado aos amantes do “Trail Running”, anunciou hoje fonte ligada à iniciativa.

Segundo Associação de “Trail Running”, trata-se de uma corrida pedestre em natureza, com o mínimo de percurso pavimentado/alcatroado, que não deverá exceder 10% do percurso total, em vários ambientes, de serras às planícies.

O “European Moutain Marathon” é uma liga de catorze provas, das quais quatro são realizadas em Portugal, sendo que duas decorrem este ano em Trás-os-Montes (Miranda do Douro e Montalegre).

A região autónoma dos Açores e a Lousã, na região centro, acolhem as restantes provas portuguesas da liga.

Fora das fronteiras portuguesas, a vizinha Espanha recebe sete provas, cabendo ao Reino Unido, à Grécia e à Rússia a organização, cada, de uma prova da modalidade.

“Está dado o primeiro passo na internacionalização e o reconhecimento de uma estratégia que Miranda do Douro tem seguido em várias vertentes, sendo que a desportiva é apenas uma delas”, disse o autarca de Miranda do Douro, Artur Nunes, a propósito da inclusão daquele município na rota do “European Moutain Marathon”.

Mauro Fernandes, promotor da iniciativa, disse que Miranda do Douro tem “aptidões naturais” para a realização deste tipo de prova, ao mais alto nível, dado o seu enquadramento paisagístico, arquitetónico e dada a proximidade com Espanha, país onde há muitos praticantes de “Trail Running”.

“Faz tido o sentido organizar neste território transfronteiriço uma prova de ‘Trail Running’, dadas a características únicas da região”, frisou.

Inicialmente, a ideia passava por “uma prova apenas ao nível ibérico”, mas dadas a condições existentes, “partiu-se para a internacionalização do circuito”, que assenta nas margens do Douro Internacional, em plena área protegida.

“Este potencial de Miranda do Douro para uma iniciava deste género, poderá ser única em Portugal”, disse Mauro Fernandes.

A prova a realizar em Miranda do Douro está agendada para os dias 10, 11e 12 de abril e deverá juntar cerca de 800 pessoas entre participante e acompanhantes, afiançaram os promotores da iniciativa.

As inscrições abrem na quarta-feira.

Partilhar