Passar para o Conteúdo Principal
siga-nos

Agricultura

  • Serviço de Apoio ao Agricultor e Investidor (SAAI)

    imagem

    A Câmara Municipal de Miranda do Douro criou em Abril de 2010 o Serviço de Apoio ao Agricultor e Investidor (SAAI), que engloba também o Gabinete Técnico Florestal (GTF).

    O SAAI é constituído por uma equipa técnica, que em articulação com entidades do sector (Associação de Agricultores do Planalto Mirandês, Direção Regional de Agricultura do Norte, Autoridade Florestal Nacional, CORANE; EDP e outros) visa prestar apoio, aconselhamento e orientação aos agricultores, empreendedores e organizações (associações, agrupamentos).

    O sector Agro-Pecuário representa grande parte do sustento e empregabilidade da população mirandesa, como tal, é imprescindível o apoio por parte da autarquia a este sector que garante uma economia familiar sustentável e da qual resultam produtos locais tão diversos e de qualidade superior, que dignificam o nome do Concelho de Miranda do Douro, quer ao nível nacional quer internacional.

    Os objectivos do SAAI passam por dar incentivo à criação de empresas e o desenvolvimento das existentes; acrescentar valor à fileira agro-alimentar e inovação na agricultura e, ainda o combate ao abandono e desertificação das zonas rurais, resultando assim numa valorização dos produtos endógenos do concelho, tais como as raças autóctones (Bovina Mirandesa; Ovina Churra Mirandesa; Asinina Mirandesa), as carnes DOP (Vitela mirandesa e Cordeiro mirandês); agricultura biológica; fumeiro; mel; vinhos; licores; compotas; doces regionais (Bola doce e roscos); frutos secos; artesanato têxtil e outros diversos.

    Horário de Funcionamento: Dias úteis das 09h00 às 12h30 | 13h30 às 17h00.
    Local: Largo do Castelo (Cabanais s/n)
    Contactos: 273 430 020
    Email: saai@cm-mdouro.pt

    Mais informação: Facebook

  • Gabinete Técnico Florestal (GTF)

    imagem

    A constituição do Gabinete Técnico Florestal (GTF) na câmara municipal de Miranda do Douro, resultou de um Protocolo de Colaboração entre o Ministério da Agricultura, do Desenvolvimento Rural e das Pescas e Município de Bragança.

    Ao GTF cumpre desenvolver tarefas de planeamento, tarefas operacionais, de gestão e controlo, administrativas, formação e treino, nomeadamente:
    Serviços:

    • Elaboração, acompanhamento e posterior atualização do Plano Municipal de Defesa da Floresta Contra Incêndios (PMDFCI);
    • POM (Plano Operacional Municipal)
    • Participação nas ações de planeamento de proteção civil;
    • Acompanhamento dos Programas de Ação previstos no Plano Municipal de Defesa da Floresta Contra incêndios e dos programas e projetos dele derivados;
    • Centralização da informação relativa aos Incêndios Florestais (Áreas ardidas, pontos de início e causas de incêndios);
    • Relacionamento com as entidades, públicas e privadas, de DFCI (Estado, municípios, associações de produtores);
    • Elaboração de Informações dos Incêndios registados no município;
    • Projeto Floresta Comum – Florestar o Parque Urbano Rio Fresno
    • Outras Tarefas


    Horário de Funcionamento: Dias úteis das 09h00 às 12h30 | 13h30 às 17h00.
    Local: Largo do Castelo (Cabanais s/n)
    Contactos: 273 430 020
    Email: gtf@cm-mdouro.pt
  • Bolsa de terras


    imagem

    A bolsa de terras tem como objetivo facilitar o acesso à terra através da disponibilização de terras, designadamente quando as mesmas não sejam utilizadas, e, bem assim, através de uma melhor identificação e promoção da sua oferta.

    A bolsa de terras disponibiliza para arrendamento, venda ou para outros tipos de cedência as terras com aptidão agrícola, florestal e silvo pastoril do domínio privado do Estado, das autarquias locais e de quaisquer outras entidades públicas, ou pertencentes a entidades privadas. A bolsa de terras disponibiliza ainda terrenos baldios, nos termos previstos na Lei dos Baldios.

    A bolsa de terras assenta nos princípios da universalidade e da voluntariedade.

    Para mais informação aceda ao link nacional: http://www.bolsanacionaldeterras.pt/

  • Canil e Gatil Intermunicipal

    imagem


    O Canil e Gatil Intermunicipal de Bragança, Miranda do Douro, Mogadouro e Vimioso, vulgarmente designado por Canil Intermunicipal de Vimioso, está em atividade desde 2010 e veio resolver uma preocupação comum aos quatro Municípios integrantes do mesmo – cumprir as normas legais na matéria e simultaneamente garantir o bem estar dos animais de companhia.
    Para cumprir em termos legais, qualquer Município deve possuir ou, por qualquer forma, poder fazer uso, de um CRO (Centro de Recolha Oficial), licenciado pela Direção Geral de Alimentação e Veterinária, vulgarmente designado de Canil, com vista a recolher os animais vadios e/ou abandonados que deambulem pela via pública, por forma a salvaguardar a higiene e segurança nas vias e espaços públicos, e bem assim, a saúde pública e salubridade ambiental daí decorrentes.
    Para cumprir bem, como é apanágio dos Municípios em questão, foi decidido construir de raiz uma estrutura moderna, com todas as condições técnicas e funcionais, dotada de recursos humanos especializados, por forma a garantir o máximo conforto aos animais e permitir que o maior número possível deles possa ser objeto de adoção.
    Para cumprir ainda melhor, foi deliberado, recentemente, pelos Órgãos Municipais, efetuar uma candidatura com vista a aumentar a área de alojamento e estadia dos animais, permitindo assim que as campanhas de promoção da adoção tenham maior resultado, pelo alargamento do tempo de permanência dos animais para adoção. Atualmente, antes de encaminhados para adoção, os animais são esterilizados com o objetivo de, a médio prazo, diminuir o número de animais que são abandonados e se tornam um problema de higiene e segurança públicas.

    Horário de Atendimento ao Público

    De segunda-feira a sexta-feira, das 9h às 12h30m e das 13h30m às 17h.


    CONTACTOS

    Canil Intermunicipal
    Parque Industrial de Vimioso
    5230-284 VIMIOSO
    Email: canilintermunicipal@gmail.com
    Telef: 273 511 180
    Tlm: 961 346 649

    Mais info: Canil e Gatil Intermunicipal, onde pode encontrar toda a informação de forma estruturada: - Regulamento, Taxas, Legislação, animais no canil, animais para adoção, deveres dos proprietários, direitos dos animais, contactos, etc.
    Pode também seguir-nos no Facebook: Canil/Gatil Intermunicipal de Vimioso, onde encontra belas fotografias e importantes novidades.

  • Canil e Gatil Intermunicipal

    imagem


    O Canil e Gatil Intermunicipal de Bragança, Miranda do Douro, Mogadouro e Vimioso, vulgarmente designado por Canil Intermunicipal de Vimioso, está em atividade desde 2010 e veio resolver uma preocupação comum aos quatro Municípios integrantes do mesmo – cumprir as normas legais na matéria e simultaneamente garantir o bem estar dos animais de companhia.
    Para cumprir em termos legais, qualquer Município deve possuir ou, por qualquer forma, poder fazer uso, de um CRO (Centro de Recolha Oficial), licenciado pela Direção Geral de Alimentação e Veterinária, vulgarmente designado de Canil, com vista a recolher os animais vadios e/ou abandonados que deambulem pela via pública, por forma a salvaguardar a higiene e segurança nas vias e espaços públicos, e bem assim, a saúde pública e salubridade ambiental daí decorrentes.
    Para cumprir bem, como é apanágio dos Municípios em questão, foi decidido construir de raiz uma estrutura moderna, com todas as condições técnicas e funcionais, dotada de recursos humanos especializados, por forma a garantir o máximo conforto aos animais e permitir que o maior número possível deles possa ser objeto de adoção.
    Para cumprir ainda melhor, foi deliberado, recentemente, pelos Órgãos Municipais, efetuar uma candidatura com vista a aumentar a área de alojamento e estadia dos animais, permitindo assim que as campanhas de promoção da adoção tenham maior resultado, pelo alargamento do tempo de permanência dos animais para adoção. Atualmente, antes de encaminhados para adoção, os animais são esterilizados com o objetivo de, a médio prazo, diminuir o número de animais que são abandonados e se tornam um problema de higiene e segurança públicas.

    Horário de Atendimento ao Público

    De segunda-feira a sexta-feira, das 9h às 12h30m e das 13h30m às 17h.


    CONTACTOS

    Canil Intermunicipal
    Parque Industrial de Vimioso
    5230-284 VIMIOSO
    Email: canilintermunicipal@gmail.com
    Telef: 273 511 180
    Tlm: 961 346 649

    Mais info: Canil e Gatil Intermunicipal, onde pode encontrar toda a informação de forma estruturada: - Regulamento, Taxas, Legislação, animais no canil, animais para adoção, deveres dos proprietários, direitos dos animais, contactos, etc.
    Pode também seguir-nos no Facebook: Canil/Gatil Intermunicipal de Vimioso, onde encontra belas fotografias e importantes novidades.

  • Gabinete Médico-Veterinário

    Gabinete Médico-Veterinário

  • Hortas Biológicas Comunitárias

    Através do Serviço de Apoio ao Agricultor e Investidor (SAAI), nasceu projeto de hortas biológicas comunitárias, situadas no Parque Urbano do Rio Fresno. Para além das vantagens que as hortas urbanas comunitárias podem representar na economia dos mais desfavorecidos, este espaço tem igualmente uma grande importância social e educativa, promovendo práticas agrícolas sustentáveis.

    Estimula atividades de cariz familiar, valoriza o espírito comunitário, usando o espaço público, permitindo a partilha de experiências entre os utilizadores.

    • As Hortas Biológicas ajudam na economia familiar dos mais fragilizados
    • Têm uma enorme importância social e educativa, promovendo práticas agrícolas sustentáveis



    Horário de Funcionamento: Dias úteis das 09h00 às 12h30 | 13h30 às 17h00.
    Local: Largo do Castelo (Cabanais s/n)
    Contactos: 273 430 020
    Email: saai@cm-mdouro.pt
  • Matadouro Municipal
    O Matadouro Municipal de Miranda do Douro procede ao abate de gado das principais espécies pecuárias exploradas na nossa região – Bovinos, Ovinos, Caprinos e Suínos.
    O Município de Miranda do Douro com o funcionamento do Matadouro, tem como objetivos: garantir o escoamento da produção local; manter ativa a fileira da carne, procurar manter a ligação entre a produção local (que é de qualidade elevada, quer pelas raças utilizadas, quer pelo modo de produção) e o consumo no retalho e na restauração locais, mantendo a elevada e ancestral fama da gastronomia Mirandesa, que tem, como é sabido, o seu ex-libris na Posta Mirandesa e no Cordeiro Mirandês, ambas carnes DOP . A este respeito refira-se que, nos últimos anos, têm sido abatidas no nosso Matadouro, valor próximo de 200 toneladas de Carne Mirandesa DOC, escoando os animais de raça mirandesa de todo o Planalto Mirandês.
    O Matadouro cumpre as condições técnicas e funcionais requeridas por legislação nacional e europeia e, consequentemente, tem licença para produzir carne para todo o espaço da União Europeia.

    Para informações mais dirigidas a casos concretos, que devem ser procuradas na secretaria do Matadouro, deixamos as seguintes informações:
     
    Espécies Abatidas:

    Bovinos de qualquer idade;
    Ovinos até 1 ano de idade;
    Caprinos até 1 ano de idade;
    Suínos de qualquer idade
    Leitões
    Está em equação a possibilidade de requerer autorização de preparação de caça selvagem maior, já para a próxima campanha.


    REGULAMENTO DE PREÇOS



    Matadouro de Miranda do Douro
    Município de Miranda do Douro
    Rua do Pinhal, S/N
    5210-184 MIRANDA DO DOURO
    E-mail: matadouro.miranda@cm-mdouro.pt
    Telefones:273 43 12 42 e 273 43 00 20


    Horário de Atendimento ao Público
    De segunda-feira a sexta-feira, das 8h30m 12h30m e das 14h às 17h.

    Horário de Entrada dos Animais
    Domingos e Feriados – Das 9h às 11h
    Dias de semana, véspera de dia de abate: das 14h às 16h.




Partilhar