Passar para o Conteúdo Principal
Siga-nos

Festival Simbiose | Workshop de movimento com Daniela Cruz e Ángela Diaz Quintela

2022/05/14
Simbiosebanner workshopmovimento 1 980 2500
O Município de Miranda do Douro, acolhe no próximo sábado dia 14 de maio, o "workshop de movimento" com Daniela Cruz e Ángela Diaz Quintela. Este workshop faz parte do processo de criação do espetáculo "Nordeste", enquadrado na operação "Simbiose". O Festival Simbiose é uma iniciativa conjunta dos Municípios de Vinhais, Macedo de Cavaleiros e Miranda do Douro.
Apoiado pelo Programa Norte 2020, o Festival Simbiose é resultado de uma abordagem inovadora, que tem por base a coprodução e itinerância de espetáculos focados em elementos identitários de Trás-os-Montes.
Envolvendo a participação da comunidade e de grupos culturais locais, o Festival procura explorar uma relação de simbiose entre o rico património transmontano e diferentes quadrantes das artes performativas.
O Festival Simbiose mobiliza elementos culturais únicos da região (como as máscaras e caretos, os cantares e rituais, os bombos, os gaiteiros, os pauliteiros, entre outros), contribuindo para a preservação deste importante património através da sua transposição para um contexto contemporâneo.
As criações artísticas propostas consideram também uma forte relação com o policromado território transmontano, numa combinação da Terra Fria, da Terra Quente e do Planalto e das áreas protegidas de Montesinho, da Albufeira do Azibo e do Douro Internacional.
As principais criações do Festival, com as designações Nordeste e Folia, serão coproduzidas pela Circolando e pela Ondamarela, estruturas com elevada experiência e reconhecimento no universo cultural português.
O Festival inclui um conjunto diversificado de atividades a decorrer até ao mês de setembro, num trabalho de proximidade que pretende contribuir para a melhoria do acesso à cultura e para a criação de novos públicos, num território marcado pela interioridade.
Neste workshop, pretende-se desafiar corpos, com e sem formação, que têm vontade de dançar. Trata-se de um encontro de diferentes corpos onde, individualmente e em conjunto, vamos explorar diferentes qualidades físicas e imaginativas, conscientes do nosso próprio corpo e atentos ao outro.
Duração: 5 horas
Datas: 14 de Maio, sábado, das 10h00 às 12h30 e das 14h00 às 16h30
Público-alvo: Estudantes ou interessados em artes performativas; Maiores de 12 anos.
Local: Estádio Municipal de Santa Luzia em Miranda do Douro
Informação e Inscrições: cultura@cm-mdouro.pt
Pago/Gratuito: Gratuito, sujeito a inscrição

Formadoras:

Daniela Cruz completou o curso vocacional na Escola de Dança Ginasiano. Em 2007, obteve a licenciatura no programa de Dança, especialização Intérprete, na Codarts, em Roterdão. Estagiou na Companhia Dansgroep Krisztina de Châtel, em Amesterdão. Trabalhou como intérprete com Marco da Silva Ferreira, Victor Hugo Pontes, Cristina Planas Leitão, André Braga e Cláudia Figueiredo, Joana Providência, Nuno M Cardoso, Nuno Preto, Jonathan Saldanha e Catarina Miranda, Sofia Dias & Vítor Roriz. Fez assistência de coreografia e de ensaio na Companhia Instável. Fez direção de movimento para o Teatro Art’Imagem e para o Teatro do Bolhão. Cocriou com o Nuno Preto os espetáculos O meu mundo e Montanha pluma negra. Integrou vários projetos com a comunidade, como o Aldear e, neste momento, está a colaborar no projeto a Nordeste com a CRL – Central Elétrica.
Ángela Diaz Quintela nasceu em Sarria, uma pequena vila da Galiza (Espanha). Licenciada em Educação Social pela Universidade de A Coruña (2011) e licenciada pela Escola Superior de Dança de Lisboa (2014). Trabalha como intérprete desde 2014 para coreógrafos como Victor Hugo Pontes, Clara Andermatt, Daniela Cruz, Romeo Castelluci, Catarina Miranda, Luísa Saraiva, Nuno Preto, entre outros. Desde 2019 integra o coletivo ESPAÇO invisível, responsável pela programação do ciclo de performances do projeto Museu da Cidade. No âmbito da formação dirige vários programas de mediação de público em museus e escolas, desenvolvendo também formação dirigida a professores.

simbiose

Partilhar